[ editar artigo]

O que é, como funcionam e porque a maioria das startups sobreviveu na pandemia

O que é, como funcionam e porque a maioria das startups sobreviveu na pandemia

 

Esse novo conceito de empresa já nos acompanha há mais de 30 anos, mas agora as startups estão causando os maiores impactos no mercado

Bom, vamos começar alimentando vocês com alguns dos conceitos e hábitos das startups que são verdadeiros ensinamentos e que nos servem de espelhos.

Esse novo conceito de empresa já nos acompanha há mais de 30 anos, mas agora as startups estão causando os maiores impactos no mercado – Foto: Condor Connect/Divulgação

O termo startup surgiu no Vale do Silício, uma famosa região da Califórnia especializada em tecnologia e inovação. Em seu nicho nasceram empresas que cresceram de forma exponencial e que hoje são bilionárias como Facebook e Googleo que demonstra um pouco de como o ecossistema do vale é enriquecedor.

Muitos conceitos podem definir uma startup, contudo a maioria delas são organizações projetadas para serem temporárias, ao contrário das grandes corporações tradicionais que focam em se manter no mercado por vários anos.

As startups carregam sobre si um modelo de negócio flexível e escalável, que trabalham constantemente em condições de extrema incerteza.

Estão em constante mudança e sempre procurando resolver as dores do mercado e cliente. Crescem em ritmo acelerado e possuem um baixo custo de manutenção, podendo alcançar lucros inigualáveis. Tem grande interação entre empreendedores e empresários com experiência, que são conselheiros para os negócios prosperarem e futuramente criarem uma parceria.

O reflexo de uma pandemia nos corredores das startups 

O rastro marcante que a pandemia vem deixando ficará para sempre em nossas vidas, mais de 450 mil vidas brasileiras perdidas até agora, e mais de 3 milhões em todo mundo. Uma doença altamente contagiosa que não escolheu precedentes e atingiu a todas as classes sociais, deteriorando o sistema de saúde de muitos países e alastrando a economia dos mesmos.

A economia do país se reflete bruscamente nas possibilidades de emprego que se tem na região e obviamente quem sofre mais é quem tem menos. No Brasil o desemprego, que já era grande, vem ganhando forças e segundo dados coletados pelo IBGE o pais atinge uma taxa maior que 14 milhões de desempregados.

Afetou a vida do trabalhador brasileiro de tal maneira que fez com que a maioria fechasse as portas de seus empreendimentos. Apesar de todo caos, o impacto para as startups foi muito menos. Ao analisarmos a forma com que elas se mantiveram na pandemia, vemos o quanto é promissor o ambiente dessas empresas.

O crescimento econômico delas foi maior do que qualquer outro ano, contudo essa crescente tem uma ótima explicação.

As startups obtiveram sua maior expansão na pandemia por conta de seu modelo de negócio, usando como pilares tecnologia e muita inovação. Assim, as startups brasileiras conseguiram um feito histórico e em 2020 somaram uma contribuição de US$ 3,5 bilhões (R$ 18,1 bilhões).

E por quais motivos as startups estão sobrevivendo melhor na pandemia?

Alguns pontos foram cruciais para essas empresas, que apesar dos números, enfrentam e vivem a mesma realidade epidemiológica que a nossa.

Veja os pontos que selecionamos como fundamentais:

  • As startups podem funcionar em qualquer lugar

Hoje em dia, grande parte das startups está localizada em um coworking, portanto, não possuem uma grande estrutura por trás. Isso deixa o custo da empresa mais baixo. Além disso, como não necessitam de um espaço físico, elas podem se adaptar e render em qualquer lugar.

  • Equipe formada por pessoas com diferentes habilidades

Sem uma boa equipe, nenhum negócio vai para frente. E uma grande característica que vemos nas startups é que elas possuem em seu time pessoas capacitadas e de diversas áreas, agregando diferentes olhares para a empresa e para os novos projetos.

  • Conectadas ao digital

Para ser uma startup não precisa estar diretamente ligada ao digital e a grandes tecnologias, mas essa ferramenta se mostrou extremamente eficaz nesse período de pandemia. Por estarem já mergulhadas no mar digital, obtiveram um melhor preparo quando grande parte do mercado precisou migrar para o online.

Além de apresentarem uma grande diferença em relação às empresas tradicionais em terem mais:

  • Escalabilidade, Flexibilidade, Baixo custo de sustentabilidade

Um outro pilar de sustentação que as startups tiveram, e não menos importante, foi o da inovação.

As ações inovadoras que essas empresas proporcionam formaram um escudo de proteção para elas, proporcionando maiores vantagens na hora de desenvolver um projeto ou criar uma solução para esta nova realidade que nos afeta.

Vimos a quantidade de incertezas, prejuízos e a falta de oportunidade que a pandemia vem resultando, mas por estarem familiarizadas com esse ambiente incerto, tremuloso e obscuro, a pandemia acabou sendo um momento favorável para as startups.

Está idealizando sua startup ou quer acelerar seu crescimento, entre em contato com a aceleradora Condor Connect através do e-mail oi@condorconnect.com.br. Aqui seus projetos e ideias são avaliados por especialistas de mercado, e você pode fazer parte do programa de mentoria para sua startup. Não perca a chance de fazer acontecer!

ND Mais

Condor Connect
Condor Connect
Condor Connect Seguir

Condor Connect é uma aceleradora de Startups e de Pessoas

Ler conteúdo completo
Indicados para você