[ editar artigo]

Papel societário do amigo

Papel societário do amigo

O papel societário do amigo.

Todo mundo já escutou aquela expressão “Amigos, amigos, negócio à parte”. Pois então, nós complementamos: “sociedades mais à parte ainda.”. Do mesmo modo que existe um risco de se realizar negócios envolvendo amigos, muito maior é o risco se envolver uma sociedade. Uma dívida é apenas uma dívida. Uma sociedade envolve uma dívida, um processo judicial, um processo fiscal, entre várias outras situações que podem complicar por muito tempo a vida dos sócios.

Isto quer dizer que você não deve confiar no seu amigo? Não, muito pelo contrário, preserve as suas amizades, elas são essenciais para viver uma vida socialmente saudável. O que a experiência de anos de mentoria nos ensinou é que nunca misture o sentimento de amizade nas decisões racionais de um negócio. O seu amigo pode ter liberdade na sua casa, mas nem você e nem o seu amigo podem ter a mesma liberdade na empresa.

Agora, se você não confia em ninguém mais para ser o seu sócio, tem que ser os eu amigo, bom, neste caso recomendamos apenas sinceridade. Trate a sua amizade com o sentimento e com o respeito que ela exige, não esconda nada do seu amigo: deixe ele conhecer todos os problemas, deixe ele falar todos os problemas, mostre a ele as características dele que não são boas para o negócio e deixe ele te mostrar tudo aquilo que você faz e que também não é bom para o negócio.

Divida as tarefas e não se sobrecarreguem. Ambos têm participação no negócio e respondem igualmente, ambos podem ganhar o pró-labore pelo valor do labor que empregam numa sociedade. Não é porque é sócio que todos devem tirar o mesmo pró-labore. O pró-labore é justamente para recompensar o trabalho, então se ganha o quanto se trabalha. Já a participação nos lucros, sim, está é proporcional a fatia de cada um.

Confie no amigo, mas não deixe de registrar tudo em contrato. Parece burocrático, mas um contrato bem escrito pode acabar com uma empresa e, mesmo assim, ainda preservar a amizade. Defina muito bem qual é o papel de cada um na sociedade. Lembre-se, na hora do problema todos ficam acuados e ataca, inclusive os amigos. Se as coisas não estão bem ajustadas, bem acordadas, isto vai gerar muito mais ruído...

 

Condor Connect
Kauana Vissotto
Kauana Vissotto Seguir

Atuo como mentora e investidora de startups. CEO e founder do Condor Connect e do Labiie - Lab de Inovação em inteligencia empreendedora Professora formadora da UFPR e co-autora em alguns livros. 41999967003/kauana@condorconnect.com.br

Ler matéria completa
Indicados para você