[ editar artigo]

DE MÃOS DADAS

DE MÃOS DADAS

Como a minha rotina é completamente voltada para pessoas cheias de ideias, bichinho carpinteiro, como eu costumo falar carinhosamente, isso me faz ouvir 57 vezes por dia a frase: “eu tô com aquele medinho”.

E quem nunca????

Não vejo problema em termos medo, porque somos pessoas curiosas entrando num mundo desconhecido, e tudo que é desconhecido também é amedrontador.

O que não podemos deixar é o medo ser mais forte do que a nossa curiosidade e vontade de desbravar o desconhecido.

E sempre que falamos a respeito de trabalhar sozinho, não ser funcionário, ir atrás do sonho, acreditar na nossa força... são objetivos mais do que assustadores, e não seria diferente na hora de criar um negócio.

Ir atrás do sonho é fácil, difícil é driblar custo fixo, as pessoas e o mercado. Não é mesmo?

Mas, o que te faz perder o medo?? Uma coisa que funciona muito comigo é o propósito. Ele é o único agente que nos dias mais difíceis, aqueles que nos sentimos sozinhos, achando que não adianta nem levantar, que nada vai dar certo, que a vida esta batendo mesmo... Ele te levanta, te sacode e te faz acreditar!!

Quando temos um propósito maior do que a vontade de ganhar dinheiro, o medo é passageiro.

E o propósito é também um super amigo, porque na hora certa ele divide o lugar com o lucro.

E o que me faz acreditar que o propósito nasceu junto com os empreendedores é a minha experiência comprovada: no começo é ele que nos sustenta de todas as formas.

Então, quando o medo quiser andar de mãos dadas com você, aceite, mas convide o propósito para estar junto.

Condor Connect
Kauana Vissotto
Kauana Vissotto Seguir

Atuo como mentora e investidora de startups. CEO e founder do Condor Connect e do Labiie - Lab de Inovação em inteligencia empreendedora Professora formadora da UFPR e co-autora em alguns livros. 41999967003/kauana@condorconnect.com.br

Ler matéria completa
Indicados para você